domingo, 25 de dezembro de 2016

Empresária é morta a tiros em assalto na PB; vítima era irmã de presidente do TJRN

Célio Cirne, de 69 anos, saia de um estacionamento na Rua Getúlio Vargas, no Centro de Campina Grande, quando foi abordada por bandidos



                                                    
Avenida Getúlio Vargas, em CG
Reprodução/Google Street View

A empresária Célio Cirne, de 69 anos, morreu, na tarde desse sábado (24), durante um assalto enquanto saia de um estacionamento na Rua Getúlio Vargas, no Centro de Campina Grande. A vítima era irmã do presidente do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN), desembargador Cláudio Santos.




Segundo a polícia, a empresária estava dentro do carro e saia do estacionamento quando foi abordada por ao menos dois homens, que anunciaram o crime e efetuaram disparos contra a vítima, atingida na cabeça. 

Ferida, a empresária perdeu o controle do veículo, que bateu em uma parede. Ainda segundo a polícia, a bolsa e outros objetos da vítima foram levados pelos bandidos.

Mesmo recebendo atendimento do Samu e sendo encaminhada para o Trauma, a empresária não resistiu aos ferimentos e morreu. Os bandidos conseguiram fugir.

Fonte: portal correio

Nenhum comentário: